Conheça 9 técnicas de composição de cenas

Quando falamos de qualquer arte cinematográfica, seja ela escrita, fotografia ou cinema, não existem regras! Você não precisa fazer algo só porque outros fizeram antes de você. No entanto, algumas técnicas de composição de cena podem ajudar e muito na sua arte.

O grande Steve McCurry, mundialmente famoso pela foto da menina afegã que foi capa da National Geographic em 1985, compartilhou 9 técnicas de composição de cena e suas dicas de como utilizá-las.

composição de cena

1 – Regra dos terços

Talvez uma das regras mais conhecidas da composição de cena, a regra dos terços é basicamente dividir a sua imagem em linhas verticais e horizontais. Centralizar o seu objeto em destaque nessas linhas é uma forma fácil e simples de capturar uma ótima foto ou vídeo.

Claro que ela não precisa estar realmente centralizada. Como dissemos antes, não existe uma regra quando vem da arte, por isso você pode brincar com as linhas e criar algo emocionante e diferente, se quiser!

Composição de cena

Ao colocar pontos de interesse nas interseções de cada linha, sua imagem ficará mais agradável e harmônica aos olhos.

2 – Linhas principais

Essas linhas imaginárias, também chamadas de vértices, ajudam a levar o olho de quem vê sua imagem diretamente à ela, quase como se entrasse na imagem.

Essas linhas criam um movimento, que ajuda a dar energia para sua arte.

Composição de Cena

3 – Diagonais

As linhas diagonais funcionam de maneira parecida com as linhas principais. A diferença é que ao invés de levar o olho da pessoa para a sua imagem, elas o levam por toda ela, como se estivesse em um passeio.

Essas linhas criam um movimento ainda maior na imagem, mesmo que ela seja apenas uma fotografia. Mas essa ferramenta também funciona muito bem para um vídeo.

composição de cena

4 – Enquadramento

O enquadramento é muito importante para qualquer tipo de produção audiovisual. Dependendo do enquadramento usado, toda uma história pode ser contada.

Por isso uma imagem fica muito interessante ao usar um quadro natural do cenário, como janelas e portas. Essa técnica de utilizar quadros naturais é muito comum no cinema, especialmente em aberturas de filmes.

composição de cena

5 – Contraste

Chamada de “figure to ground” no inglês (figura ao chão), essa técnica não precisa ser necessariamente usada com o chão, é claro. O importante é que haja um contraste grande entre o objeto e o fundo da imagem.

Nós temos a tendência de notar coisas em contraste. Essa é, inclusive, uma das ideias principais da terapia de Gestalt. Por isso, você criará ótimas imagens ao utilizar essa técnica de composição de cena.

composição de cena

6 – Preenchimento da imagem

Ao se aproximar do seu objeto, você preenche a imagem com ele e cria uma fotografia de arrepiar! Essa técnica é muito utilizada na série The Handmaid’s Tale, onde Elisabeth Moss muitas vezes preenche toda a imagem, dando valor à suas habilidades como atriz.

Tanto na fotografia quanto no cinema, ao se aproximar do objeto e preenchê-lo na imagem cria-se o senso de importância, além de ser a primeira coisa que sua audiência olhará ao colocar o olho na sua arte.

composição de cena

7 – Olho dominante centralizado

Todos nós conhecemos a Mona Lisa, famosa pintura de Leonardo Da Vinci. Esse grande artista utilizou essa técnica já em 1503, embora não se sabe se ela era chamada assim na época, ou se sequer existia.

O fato é que o olhar de Mona Lisa nos segue quando a olhamos e essa é a ilusão que a técnica do olho dominante cria.

composição de cena

8 – Padrão e repetição

É natural que o olho humano sinta-se atraído pelos padrões. Talvez por algo psicológico, não se sabe, mas a verdade é que não gostamos muito do caos. Por isso uma imagem que segue um padrão de forma ou cores é agradável ao olhar.

No entanto quebrar esse padrão também é chamativo e engajador à sua audiência. O filme Hora de Voltar faz um ótimo uso dessa técnica. Steve McCurry quebra o padrão de cores com o homem pintado de verde sendo levado pelos demais de vermelho.

composição de cena

9 – Simetria

Assim como no padrão, a simetria é extremamente agradável aos olhos. Pessoas com rostos simétricos são consideradas mais atraentes, enquanto que pessoas com rostos sem tanta simetria não são.

O motivo nunca foi realmente descoberto, mas somos atraídos pela simetria, tanto na vida real quanto nas imagens. Ao criar fotografias e vídeos usando técnicas simétricas, você estará utilizando uma técnica de composição de cena que certamente agradará sua audiência.

composição de cena

Como dissemos no início do artigo, quando fala-se da arte, não existe verdadeiramente uma regra. Muitas vezes, quebrando todas elas é possível criar imagens ainda mais artísticas e emocionantes.

Por isso não tenha medo de usar essas técnicas ou fugir delas, quando quiser.

Qual técnica você prefere? Qual mais usa na sua arte? Deixe um comentário aqui embaixo! Esperamos que esse artigo tenha sido útil para você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *