Usando o motion graphics para apresentar o seu produto

Não é à toa que marcas como a Disney, Pixar e Dreamworks fazem tanto sucesso. Não só as crianças amam os desenhos animados, mas adultos também enchem as salas de cinema para se emocionarem com as mais variadas animações.

Já no final do século XIX o grande cineasta francês George Méliès utilizou de avançadas técnicas para a época, criando efeitos visuais incríveis, como em um de seus mais famosos filmes, A Viagem à Lua.

George Méliès

Para muitos, Méliès é considerado não apenas o pai do cinema, mas também uma grande influência para o surgimento do motion graphics.

Dica: o filme A Invenção de Hugo Cabret (2011) conta, através de elementos fictícios, a vida e a genialidade desse grande cineasta francês.

O desejo de transformar imagens e dar a elas vida é uma forma de se entender a ideia do motion graphics. Programas modernos como o Cinema 4D e o After Effects, entre outros, são comumente usados pelos motion designers para criar animações em 2 e 3D

Grandes projetos de sucesso já utilizaram o motion graphics para apresentar suas ideias, marcas ou produtos. Não apenas presente nas propagandas, o motion graphics também está presente em vídeos institucionais, vídeos explicativos, vídeos de conteúdo, etc.

Exemplos de apresentações de produto

Nike Air Max (2017)

Comparando com superfícies e objetos para representar a maciez da sola do novo tênis, a Nike utilizou o motion graphics. Isso deu uma cara esplêndida e dinâmica para a apresentação do produto..

Meaco Dehumidifier

Utilizando técnicas 3D, a Meaco usou o motion graphics para apresentar seu desumidificador, utilizando dois programas para tal.

Resulticks

Para apresentar sua plataforma de marketing, a Resulticks utilizou uma animação em 2D utilizando técnicas do motion graphic.

Gojur

Com o estilo flat design, a Gojur apresentou seu produto de software jurídico de forma clara, objetiva e dinâmica.

Criando campanhas com motion graphics

Além de gerar grande impacto na hora da apresentação, o motion graphics também costuma ser mais vantajoso financeiramente. Na hora de escolher entre outros estilos de vídeos para apresentação, considerar o motion graphics pode ser uma grande inovação.

Para obter o resultado desejado é importante esclarecer com a produtora escolhida todos os objetivos e expectativas quanto a animação. Apresentar referências também pode ser de grande ajuda para explicar aquilo que se está almejando alcançar.

Com essa técnica inovadora, as apresentações de seus produtos nunca mais serão as mesmas! Esperamos ter esclarecido como usar o motion graphics para apresentar o seu produto. Fique à vontade para deixar um comentário aqui embaixo com sua dúvida ou sugestão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *